top of page
  • Foto do escritorRoseli

Psicanálise e Antropologia


Antropologia é o estudo científico da humanidade, tem como objeto o comportamento humano, biologia humana, evolução, culturas, sociedades e linguística, tanto no presente quanto no passado, incluindo o comportamento antepassado da espécie humana. Um estudo cultural, enfim.

Freud tinha um grande interesse na antropologia de seu tempo que geraram obras como Totem e Tabu e O mal-estar na civilização.

Totem e Tabu é uma leitura endereçada aos antropólogos. Freud busca analisar a gêneses dos totens – símbolos sagrados e respeitados – e dos tabus – proibições de origem incerta – que cercam e cerceiam as liberdades individuais e coletivas de uma determinada sociedade.

Na obra O mal-estar na civilização, Freud categoriza o ser humano em relação aos animais a partir da civilização. Para ele, é justamente esse elemento que dá identidade própria para a humanidade. Desse modo, carregamos um componente coletivo e complexo que designa uma superioridade dentro de uma cadeia.

Esse escavar proposto na antropologia pode ser lido na psicanálise como essa busca do primitivo, talvez as origens de alguma neurose. Acompanhe a Live no YouTube do Instituto Legus.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page