• Roseli

Elize Matsunaga: um caso para a Psicologia Forense


Na minissérie, disponível pela Netflix- 2021, Elize Matsunaga: Era uma vez um crime, dirigido por Eliza Capai, é possível perceber uma narrativa de vida da condenada pelo crime de matar e esquartejar o marido, Marcos Matsunaga. O homicídio tomou vulto pelo fato de o marido ser herdeiro do grupo Yoki. O documentário tem a vantagem de apresentar imagens de Elize e uma entrevista concedida por ela contando toda a sua trajetória desde a saída de uma pequena cidade até o casamento, a filha do casal e a tragédia que encerra o que foi chamado de um conto de fada.

O interessante é poder observar o documentário não apenas do ponto de vista jurídico, mas lançando olhares às questões psíquicas que envolveram o casal desde que se conheceram, tema de discussões da área da Psicologia Forense. Esse ramo do conhecimento soma duas linhas de pensamento que trabalham juntas tanto para elucidar um crime e seus porquês quanto para a análise da saúde mental dos envolvidos. Por meio da Psicologia Forense são possíveis aplicações de testes, avaliações técnicas e relatórios que ajudam a entender o crime e os réus perante os tribunais de justiça. No caso específico do casal muitos elementos ajudariam a entender melhor como ambos, ré e vítima, apresentavam comportamentos que poderiam tê-los levados a desentendimentos. Enfim, essa área é imprescindível ao diálogo para que haja justiça.

Live sobre: https://zoom.us/rec/share/lxHzSCh2SvVGwQbvGtEC0uBwtgHi3oG7N9w6wR6Rj7408f4O4Zrd_18kxO8H4cn7.lJrzTHn35lS-D6Xq

642 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo